O PERFIL DA ADORAÇÃO QUE GLORIFICA A DEUS

João 4.19-26.

Introdução:

Como adoradores de Deus nossa adoração precisa ser alicerçada nos princípios eternos de Deus para que o próprio Deus a receba e seja glorificado. A bíblia nos diz no livro de Romanos 11.36Porque d’Ele, e por ele, e para ele são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém”. Com essa verdade, entendemos que o perfil da adoração do adorador, deve sobre tudo glorificar a Deus, incondicionalmente.

No texto que lemos e seus versículos anteriores, encontramos um diálogo de Jesus com uma mulher samaritana, e ali ela O interroga com relação ao lugar correto de se adorar a Deus. Jesus, no entanto, lhe apresenta algo muito mais importante que o lugar da adoração. Ele fala da importância da atitude de se adorar verdadeiramente, independente de lugar, e fala do objetivo final da adoração, que é glorificar a Deus.

Qual o perfil da adoração que glorifique a Deus? Quais os fundamentos para uma adoração genuína que glorifica a Deus?

I. ADORAÇÃO MOVIDA PELO CONHECIMENTO – Adorador x Adorado. [Vers. 22a]

Jesus disse para aquela mulher que eles, os samaritanos, adoravam o que não conheciam. Prestavam um culto para algo ainda superficial diante da grandeza de seu conteúdo. Não basta só “saber” a quem adoramos, é preciso “conhecer” quem adoramos. A adoração verdadeira terá uma ênfase maior quando partir de um conhecimento relacional, onde há uma vivência movida pela intimidade. Só se conhece quem se relaciona.

Em certa ocasião Jesus diz aos saduceus peritos das escrituras, que: “errais por não conhecer as escrituras” [Mt 22.29].

II. ADORAÇÃO CRISTOCÊNTRICA – Adoração centralizada em Jesus Cristo; [Vers. 22b]

Adoração verdadeira deve ser Cristocêntrica partindo da promessa messiânica que a “salvação viria dos judeus”. Jesus declara para aquela mulher dizendo que a verdadeira adoração tem um sentido total no messias prometido no AT onde traria consigo à única maneira de um novo recomeço. Um novo nascimento e uma nova vida que nos possibilitaria adoração genuína. As pessoas sabiam que viria o messias, mas foi preciso João batista apontar o messias porque não o conheciam verdadeiramente. [Jo 1.29]

A adoração só tem sentido total porque Jesus Cristo possibilitou isso na Cruz do calvário. Como pecadores caminhando em direção ao pecado, não teríamos condições de adorar sem que houvesse um sacrifício de morte que possibilitasse o perdão e reconciliação com Deus. Jesus Cristo com o seu sacrifício, nos possibilitou o perdão e paz com Deus. Hoje podemos adorar a Deus mediante Cristo Jesus.

III. ADORAÇÃO TEOCÊNTRICA – Adoração centralizada em Deus; [Vers. 23].

A adoração deve ser dirigida somente a Deus. O motivo de nossa existência é para glória de Deus, e como criaturas, e a partir de Jesus passamos a filhos, devemos toda devoção de nossa vida somente a esse Deus.

O texto nos diz que o Pai procura esses adoradores. Há um desejo de Deus nos adoradores e nossa adoração deve ser centrada n’Ele. O texto fala da urgência da adoração e fala do lugar da adoração. Não é onde adoramos que conta, o que conta é “a quem estamos adorando”?

Quando direcionamos nossa adoração a Deus, o lugar não importa. O que importa é adorar. O perfil da adoração que glorifica a Deus está relacionado com a atitude de Adorar.

IV. ADORAÇÃO EM ESPÍRITO – Adoração movida pelo Espírito Santo; [Vers. 24].

Adorar em espírito e em verdade está alicerçado sobre o fato de que o próprio “Deus é Espírito”. Isso nos mostra que ele não é um ser físico, limitado a tempo e espaço. Ele está presente em todos os lugares e pode ser adorado em qualquer local e a qualquer tempo.

Espírito nos ajuda em nossa fraqueza. Ele ora por nós [Rm 8.26]. Ele nos ensina as palavras de Cristo. [Jo 14.26] “lhes ensinará todas as coisas e lhes fará lembrar tudo o que eu lhes disse”. Os “adoradores verdadeiros”‖ são aqueles que oram e adoram com todo o seu ser. Isso somente é possível através do próprio Espírito de Deus.

CONCLUSÃO

Fomos criados com o objetivo de glorificar a Deus sobre todas as coisas. Nossa adoração precisa ser alimentada do conhecimento de Deus, na pessoa de Jesus Cristo, na ação do Espírito Santo e sendo conduzida pelos ensinos registrados nas sagradas das Escrituras de Deus, a Bíblia.

O perfil da adoração que glorifica a Deus deve ser movido pelo Espírito Santo, tendo Jesus Cristo no centro de nossas vidas e Deus no controle. Isso só é possível quando buscamos conhecer “O Deus” a quem adoramos.

Que possamos adorar ao Senhor Deus em espírito e em verdade, pois Ele está à procura desses adoradores, que se encaixam no perfil de adoração que glorifique a Deus.

  • Qual tem sido o perfil de sua adoração?
  • A quem você realmente tem adorado?
  • Sua adoração tem glorificado a Deus?
  • Você deseja nesta noite, fazer um compromisso de fé, diante de todos, entregando sua vida totalmente a Deus dizendo a Ele que, para o “Seu Louvor” sua vida pertence somente a Deus?
  • Você esta disposto a ter sua vida conduzida pelo Espírito Santo de Deus, permitindo que Jesus Cristo seja seu salvador e Senhor, e a partir de hoje, glorificar a Deus sobre tudo e todas as coisas?

Publicado por Pr. Luiz de Souza

Não ousaria me definir em frases prontas ou palavras que prefiguram alguém que ainda esta em construção. Vivo para que Deus seja conhecido e busco conhecer cada vez mais esse Deus. Minha gratidão é plena ao ser alcançado e resgatado por Jesus, e por isso vivo para que Ele cresça e eu diminua cada vez mais. Pois "A mim, o menor de todos os santos, me foi dada esta graça de pregar aos gentios o evangelho das insondáveis riquezas de Cristo". [Ef 3.8]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

bombasonica

busque evolução e se liberte!

RACHEL SHEHERAZADE

Sermões | Artigos | Devocionais

Consciência Cristã

Sermões | Artigos | Devocionais

O Tempora, O Mores

Sermões | Artigos | Devocionais

Voltemos Ao Evangelho

um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

jonasmadureiradotcom.wordpress.com/

"Quebre os grilhões da cela, mas não se assuste se o prisioneiro não sair, talvez a cela seja absurdamente confortável."

Renato Vargens

Sermões | Artigos | Devocionais

%d blogueiros gostam disto: