A SUFICIENTE SATISFAÇÃO EM DEUS – Glorifique a Deus alegrando-se nEle para Sempre.

Salmos 16.8-11.

Introdução:

A Alegria do cristão deve ter sua primazia em Deus. Alegrar-se em Deus e com Deus. Isso parece algo muito distante e impossível de acontecer. Podemos nos alegrar em Deus, agora nos alegra “com Deus” nos parece soar estranho em nossos ouvidos.

O que aprendemos desde cedo é que nosso Louvor deve ser o melhor pra Deus, a Alegria deve advir da resposta em fazer a vontade de Deus. Mas esquecemo-nos que o alvo primário em nossas vidas está em glorificar a Deus, e isso toma proporções diferentes quando glorificamos a Deus em tudo o que fazemos; esse “tudo o que fazemos” nos traz alegria plena por saber que Deus se alegrou com a nossa intenção e ação positiva em “nos satisfazer na alegria de d’Ele”.

Como glorificar a Deus e nos alegrar nEle para sempre?

A BUSCA PELO PRAZER DE UMA VIDA NO CONTROLE DE DEUS [vers. 7-11]

Faz parte da natureza humana fazer planos e só depois pedir buscar a direção de Deus e pedir para abençoa-los. Porém, ao invés disso, devemos buscar primeiro a vontade de Deus. Essa busca deve ter como anseio principal, a alegria por estar fazendo a vontade de Deus e com isso, tendo a resposta positiva de Deus por estarmos fazendo a sua vontade.

Essa busca só vai nos trazer prazer se partir de uma satisfação em fazê-la. Se vier de um sentimento verdadeiro em buscar da alegria do amado. O Salmista fala de uma alegria bem mais profunda e duradoura que, se inicia no contexto que vivemos e se estende a eternidade. Esse salmo também trata da promessa messiânica onde apresenta uma vida em vida, em morte e ressurreição.

No versículo 8 e 9 encontramos o salmista falando de uma ação “em vida” que procede de uma vida “em Deus”. A busca pelo prazer de uma vida no controle de Deus estar em saber que, enquanto “em vida” estivermos buscando uma satisfação “em Deus”, deixando-o no controle de tudo, teremos uma resposta positiva da parte de Deus que nos capacitará para as adversidades sem que elas os abalem. Isso porque o que fazemos “em vida” a Deus provém de uma satisfação plena “em Deus”.

No versículo 10 e 11 fala de uma vida “em morte” que precede “em vida” na eternidade. Por mais que em meio as lutas da vida “em vida” sobrevenha a morte, a buscar pelo prazer em Deus nos traz uma confiança maior quando sabemos que, em Cristo, seremos ressuscitados para  que isso glorifique a Deus.

CONCLUSÃO

A principal finalidade de Deus é glorificar a Deus. Se não nos regozijarmos em Deus, não O glorificaremos como devemos. E regozijo deve se estender em todas as áreas de nossas vidas “em vida” e mesmo que isso sobrevenha à morte física. Porque a morte física nos possibilitará uma vida de prazer à direita de Cristo na eternidade. Como cristãos que glorificam a Deus em busca do prazer eterno em Deus, podemos estar certos de que Ele não nos esquecerá quando morrermos. Ele nos trará de volta a vida para que vivamos com Ele para sempre, nos gloriando nEle com prazer eterno.

Publicado por Pr. Luiz de Souza

Não ousaria me definir em frases prontas ou palavras que prefiguram alguém que ainda esta em construção. Vivo para que Deus seja conhecido e busco conhecer cada vez mais esse Deus. Minha gratidão é plena ao ser alcançado e resgatado por Jesus, e por isso vivo para que Ele cresça e eu diminua cada vez mais. Pois "A mim, o menor de todos os santos, me foi dada esta graça de pregar aos gentios o evangelho das insondáveis riquezas de Cristo". [Ef 3.8]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

bombasonica

busque evolução e se liberte!

RACHEL SHEHERAZADE

Sermões | Artigos | Devocionais

Consciência Cristã

Sermões | Artigos | Devocionais

O Tempora, O Mores

Sermões | Artigos | Devocionais

Voltemos Ao Evangelho

um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

jonasmadureiradotcom.wordpress.com/

"Quebre os grilhões da cela, mas não se assuste se o prisioneiro não sair, talvez a cela seja absurdamente confortável."

Renato Vargens

Sermões | Artigos | Devocionais

%d blogueiros gostam disto: