A SUFICIENTE SATISFAÇÃO EM DEUS – Deus é suficiente pra mim e minha família.

Josué 24.14-15.

Introdução:

Infelizmente no meio do povo cristão Deus tem sido insuficiente. Queremos mais do que Deus pode fazer do que a presença de Deus. Queremos ser alcançados pelos milagres de Deus do que pelo próprio Deus.

Esse fato vem desde os tempos antigos como podemos observar no texto que lemos. Aqui encontramos uma nação que foi assistida por Deus; foi ouvida por Deus; Deus ouviu o seu clamor mais não o glorificaram como o seu único Deus. Uma nação que foi cativa pelos homens e liberta por Deus, mais não adoraram como seu único Deus.

O povo de Israel ainda vazio do Deus que os libertou se entregam ao pecado da idolatria. As famílias buscaram deuses estranhos de sua região, entregando-se à idolatria. Josué, um homem de Deus, totalmente satisfeito com Deus, e conduzido por Deus levanta sua voz e repreende a nação e fala sobre sua postura e suficiente satisfação em Deus, levando toda a sua família e um nação reconhecer Deus como o seu único SENHOR.

I. DEUS ESPERA DE NÓS DEVOÇÃO ABSOLUTA [vers.14]

A nação de Israel tinha acabado de contemplar as maravilhas de Deus ao saírem do Egito. Foram alcançadas pelos sinais extraordinários de Deus quando foram libertas da escravidão de Faraó. Ainda assim, Deus não foi suficiente para suas vidas.

Deus usa Josué como líder do seu povo para livrá-los da idolatria e faze-los adorarem unicamente a Deus.

Ele desperta o povo para:

  1. Temei ao Senhor: Josué pede ao povo temer ao Senhor. Temer ao Senhor significa “reverenciar” “honrar” “respeitar”. O povo precisava reverenciar a Deus. Honrar o seu nome. Respeitar a Sua autoridade.
  2. Servir com sinceridade e verdade: O povo com seus lábios diziam que serviam ao Senhor, mas adoravam os deuses de seus antepassados. Estavam presos a idolatria de seus antepassados. Josué os adverte quanto ao servir com sinceridade e verdade. [Jo 4.23 e 24]
  3. Joguem fora os deuses: Os deuses, em muitas famílias, eram adquiridos por tradição entre famílias. Muitos ali adoravam deuses porque seus pais, no passado, adoraram e deixaram como herança. Foi o caso de Raquel, esposa de Jacó, quando levou os deuses de seu pai Labão ao fugir com Jacó. O povo de Israel ainda estava preso a esses fatos hereditários que levava o povo a se dividir a adoração com outros deuses. Josué exige que o povo jogue fora tudo o que tivesse sendo adorado, além de Deus.

II. DEUS ESPERA DE NÓS UMA POSTURA DIANTE DO MUNDO E DELE MESMO. [vers.15]

Josué convoca o povo a tomar uma postura diante da nação e Ele mesmo fala sobre sua decisão, quanto a ele e sua família. Ele diz ao povo escolherem quem seria o seu Deus, os deuses de seus antepassados, os deuses do habitante da terra onde estavam ou o verdadeiro Deus que os tirou da terra do Egito.

Para dar o exemplo do que estava pedindo ao povo, Josué faz uma declaração sobre sua postura diante toda a idolatria do povo. Ele diz que mesmo que eles viessem escolher adorar os deuses de seus antepassados, ele e sua família adorariam a Deus. Toda a sua casa e sua descendência serviriam e teriam a Deus como o seu único e suficiente Deus.

CONCLUSÃO

Precisamos nos voltar para Deus e conduzir nossa família a servir e adorar a Deus sobre tudo e todos. O mal desse século tem sido a nossa negligencia e acomodação quando se trata da vida espiritual de nossa família.

Temos investido tempo, dinheiro e atenção a tantas outras coisas em nós mesmo e a nossa família que esquecemos que o principal, que é Deus, tem sido negligenciado. Precisamos nos comprometer com Deus e levar nossa família a fazer o mesmo, embora a maioria esteja indo em caminhos diversos.

Publicado por Pr. Luiz de Souza

Não ousaria me definir em frases prontas ou palavras que prefiguram alguém que ainda esta em construção. Vivo para que Deus seja conhecido e busco conhecer cada vez mais esse Deus. Minha gratidão é plena ao ser alcançado e resgatado por Jesus, e por isso vivo para que Ele cresça e eu diminua cada vez mais. Pois "A mim, o menor de todos os santos, me foi dada esta graça de pregar aos gentios o evangelho das insondáveis riquezas de Cristo". [Ef 3.8]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

bombasonica

busque evolução e se liberte!

RACHEL SHEHERAZADE

Sermões | Artigos | Devocionais

Consciência Cristã

Sermões | Artigos | Devocionais

O Tempora, O Mores

Sermões | Artigos | Devocionais

Voltemos Ao Evangelho

um site cristão por Cristo e pelo Evangelho

jonasmadureiradotcom.wordpress.com/

"Quebre os grilhões da cela, mas não se assuste se o prisioneiro não sair, talvez a cela seja absurdamente confortável."

Renato Vargens

Sermões | Artigos | Devocionais

%d blogueiros gostam disto: